Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


23/09/2010

Sistemas de informações geográficas são tema de Jornadas em Curitiba/PR

Diversas experiências serão apresentadas. Um dos cases são os planos de manejo das fazendas experimentais da Embrapa, com adequação à legislação ambiental, monitoramento dos experimentos, levantamento e representação do meio biofísico. A Embrapa Florestas (Colombo/PR) coordena um amplo trabalho junto a 23 Unidades.

De 22 a 24 de setembro Curitiba vai se transformar na capital nacional dos usuários do gvSIG, um sistema de informações geográficas baseado em software livre. Cerca de 200 pessoas são esperadas para as “1as. Jornadas Brasileiras de gvSIG”, envolvendo uma ampla programação onde serão apresentados cases de sucesso e seminários sobre as funcionalidades do sistema. Participam também técnicos da Argentina, Espanha, Venezuela, México e Peru.

São diversas as aplicações dos sistemas de informações geográficas, desde projetos e estudos relativos ao monitoramento ambiental, planejamento e cadastro urbano e rural, gerenciamento da distribuição de energia e telecomunicações, até planejamento da logística da produção industrial, agricultura de precisão e gestão florestal, entre outros. Com o surgimento do gvSIG, desenvolvido pelo governo da Comunidade de Valência, Espanha, se ampliaram as possibilidades de aplicação dos SIGs baseados em software livre alternativamente aos software proprietários que, geralmente, apresentam custos elevados relativos à sua aquisição, manutenção e suporte. 

O fato de se poder adaptar o sistema a usos específicos, de forma customizada, também torna o gvSIG uma importante ferramenta para a comunidade de geoprocessamento. Por ter código aberto, possibilita aos desenvolvedores a estruturação de novos programas e algoritmos, incorporando outras ferramentas e funções.

Diversas experiências serão apresentadas. Um dos cases são os planos de manejo das fazendas experimentais da Embrapa, com adequação à legislação ambiental, monitoramento dos experimentos, levantamento e representação do meio biofísico. A Embrapa Florestas (Colombo/PR) coordena um amplo trabalho junto a 23 Unidades.

Outro trabalho a ser apresentado pela Embrapa, por meio de sua Unidade Uva e Vinho (Bento Gonçalves/RS), é o uso do gvSIG no projeto “Desenvolvimento das indicações geográficas de vinhos Farroupilha e Altos Montes no APL de vitivinicultura”. Este é um diferencial na indicação de procedência de vinhos cada vez mais exigido pelo mercado consumidor. O projeto é financiado com recursos da Embrapa, executado em parceria com a Embrapa Clima Temperado, Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Universidade de Caxias do Sul.

A Sanepar, Companhia de Saneamento do Paraná, também vai mostrar sua experiência no uso do gvSIG. A partir do georreferenciamento dos clientes, das informações contidas no banco de dados oriundo do Cadastro Comercial e do Cadastro Técnico de Redes de Água e Esgoto da companhia, foram feitas, por meio do gvSIG, diversas análises para tomada de decisões para o planejamento e gestão dos serviços de campo.

Outras experiências também serão relatadas nas Jornadas, que são uma realização da Embrapa Florestas, Universidade Federal do Paraná, Centro Internacional de Hidroinformática e Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Ribeira de Iguape.

* Serviço:
- Data: 22 a 24/09/2010

- Local: 
Auditório do Edifício da Administração - Setor de Tecnologia - 1. Andar
Centro Politécnico - Universidade Federal do Paraná
Bairro Jardim das Américas
Curitiba – Paraná

- Horário:
dias 22 e 23/09: de 8h30 às 17h30
dia 24/09: de 9h às 11h30

- Mais informações em: http://www.gvsig.org/web/community/events/jornadas-brasileiras


Fonte: EMBRAPA Florestas



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

12/12/2019 às 21:45

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1678 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey