Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


19/01/2009

Setor de papel e celulose, manterá investimentos, diz Bracelpa

O setor de papel e celulose não cancelará investimento no Brasil, afirmou Elizabeth de Carvalhaes, presidente executiva da Associação Brasileira de Celulose e Papel (Bracelpa). "Os investimentos já focam 2015. Não obstante a crise, o Brasil não deixará de investir para ultrapassar a produção de celulose da China (19,070 milhões de toneladas) nos próximos anos", garantiu.

O setor de papel e celulose não cancelará investimento no Brasil, afirmou Elizabeth de Carvalhaes, presidente executiva da Associação Brasileira de Celulose e Papel (Bracelpa). "Os investimentos já focam 2015. Não obstante a crise, o Brasil não deixará de investir para ultrapassar a produção de celulose da China (19,070 milhões de toneladas) nos próximos anos", garantiu.

Segundo a presidente executiva, até 2011 os investimentos estão avaliados em US$ 11 bilhões. De 2012 até 2015, serão investidos mais US$ 10 bilhões. "Não há crise econômica no mundo que faça o eucalipto parar de crescer. As florestas brasileiras são imunes à crise", justifica. No final de 2012, a Bracelpa projeta que Brasil atinja 17 milhões de toneladas de celulose em capacidade instalada.

Entretanto, a associação avalia que, nesse momento, para o setor, uma importante medida emergencial do governo seria o aumento da oferta de linhas de crédito de uso especifico para financiar pré-embarque de celulose e para postergar por menos tempo os projetos para 2009. Outro ponto relevante, que envolve também os governos estaduais, seria a liberação do crédito de ICMS relativo às exportações e a criação de um regime especial que interrompa a geração desses créditos para exportações futuras.

Até que o cenário esteja mais definido e pela falta de linhas de crédito e de financiamento, as empresas revisaram seus investimentos. Projetos em fase final de execução serão concluídos em 2009, enquanto alguns investimentos foram postergados.

De acordo com Horacio Lafer Piva, presidente do conselho deliberativo da Bracelpa, no quarto trimestre as empresas apresentarão um pouco mais de prejuízo, "mas não é algo para se preocupar". Por outro lado, ele ressalta que o aumento do câmbio para o setor como de papel e celulose é positivo, porque é um setor exportador.

Quanto aos planos de corte no quadro funcional das companhias, Piva acredita que cada empresa tem seu programa. "O setor não pretende demitir significantemente", assegurou. O setor gera 110 mil empregos diretos e 450 mil empregos indiretos.

No entanto, as expectativas do setor para 2009 serão anunciadas somente no final do primeiro trimestre, quando será possível avaliar com mais profundidade os reflexos da crise financeira internacional no mercado, uma vez que o setor é altamente exportador.


Fonte: Micheli Rueda - InvestNews



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

20/10/2019 às 11:04

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1976 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey