Facebook Twitter RSS

Avanço e Pesquisa

Versão para impressão
A-
A+


25/03/2013

Qualidade da madeira de Eucalyptus para a produção de carvão vegetal

Dissertação de Mestrado defendida no Departamento de Engenharia Florestal da UFV pela Engenheira Florestal Bárbara Luísa Corradi Pereira, sobre produção de de carvão vegetal de madeira de eucalipto

Fonte: Google
Na produção de carvão vegetal utiliza-se principalmente o gênero Eucalyptus, em virtude do seu rápido crescimento e de sua grande plasticidade, o que permite a ampla distribuição geográfica no território brasileiro. Nesse sentido, o estudo foi realizado com o objetivo de determinar as propriedades da madeira e do carvão vegetal provenientes de diferentes clones de Eucalyptus spp. Foram avaliados seis clones, aos 7,5 anos de idade, provenientes de um teste clonal de uma empresa florestal, localizado no município de Lassance, MG. Foram determinadas a densidade básica, relação cerne/ alburno, análise morfológica de fibras e poros, análise química estrutural e elementar, relação siringil/guaiacil, índice de cristalinidade da celulose, análise termogravimética (TG/ DTG) e calorimetria diferencial exploratória (DSC). Foram também determinados o poder calorífico superior, composição elementar TG/DTG e DSC de amostras comerciais de celulose, xilanas e lignina. Para a avaliação da qualidade do carvão foram realizadas carbonizações em mufla de laboratório sob aquecimento elétrico, com tempo total de 4,5 horas e taxa de aquecimento média de 1,67°C.min-1. Foram determinados os rendimentos gravimétricos em carvão vegetal, gases condensáveis e não condensáveis. Posteriormente foi avaliado o teor de materiais voláteis, cinzas e carbono fixo, poder calorífico superior, densidade aparente, composição elementar e análise morfológica dos poros do carvão vegetal. O experimento foi instalado segundo um delineamento inteiramente casualizado, com seis tratamentos (clones) e três repetições (árvores). Os dados foram submetidos à análise de variância e, quando estabelecidas diferenças entre eles, aplicou-se o teste de Tukey. Para a associação das características da madeira e carvão vegetal foi empregado o coeficiente de correlação de Pearson. Em todas as análises foi adotado o nível de 95% de significância. O rendimento e a qualidade do carvão vegetal foram significativamente influenciados pelo conjunto de propriedades físicas, químicas e anatômicas da madeira. Embora todos os clones avaliados tenham apresentado propriedades da madeira satisfatórias para produção de carvão vegetal para uso siderúrgico, quando considerado o conjunto de propriedades avaliadas o clone 6 destacou-se e, em contrapartida, o clone 4 apresentou propriedades inferiores às dos demais.

Orientação e Banca
Orientador: Ana Márcia Macedo Ladeira Carvalho
Coorientadores: Benedito Rocha Vital e Angélica de Cássia Oliveira Carneiro
Membros da banca: Paulo Fernando Trugilho e Jorge Luiz Colodette

Para acesso à dissertação completa, acessar o link:
http://www.tede.ufv.br/tedesimplificado/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=4256




Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (4)


kpuAQFriIch disse:

28/09/2013 às 22:30

Happy to have this blog post. Doing some digging on acid/alkaline ph bacnale, here are two lists you might like andLooks like lots of tasty, bacnaled meals could be created from eating this way plus, it's good for your bones, too!

BENEDITO ROCHA disse:

27/06/2013 às 05:37

MEU XARÁ , TEM UMA ESTIMATIVA DE CUSTO P/MONTAR UM FORNO DESTE.ELE É FIXO OU PODE SER MÓVEL

Roberto Rodrigues disse:

09/04/2013 às 16:13

Gostaria de mais informações sobre o clone 6 e se é adaptável para um plantio comercial no Noerte de Minas Gerais.

BENEDITO ROCHA disse:

27/03/2013 às 10:29

GOSTARIA DESABER QUAL OS CLONES QUE MAIS SE DESTACOU P/PRODUÇÃO DE CARVÃO E QUE TENHA MAIOR % DE
DE CARBONO.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para carvão?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


3005 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey