Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


11/06/2010

Proposta de Mudança do Código Florestal é Apresentada na Câmara

O relator da proposta de alteração do Código Florestal, deputado Aldo Rebelo (PC do B/SP) apresentou nesta terça-feira (8/6) seu parecer ao Projeto de Lei 1.876/99, que trata das alterações do texto hoje vigente, a lei 4.771/65.

O relator da proposta de alteração do Código Florestal, deputado Aldo Rebelo (PC do B/SP) apresentou nesta terça-feira (8/6) seu parecer ao Projeto de Lei 1.876/99, que trata das alterações do texto hoje vigente, a lei 4.771/65. Depois duas horas e meia de leitura, ele mencionou os principais pontos do seu substitutivo, propondo a modernização da legislação para adequá-la à atual realidade do setor produtivo e buscando conciliar a produção de alimentos com a preservação do meio ambiente. O documento contém mais de 300 páginas e foi elaborado em nove meses de trabalho, ouvindo 378 pessoas em audiências públicas feitas em 19 estados e em Brasília, que representam tanto os ambientalistas quanto o agronegócio.

Ao ler o relatório, Rebelo reconheceu a complexidade do tema, que na sua avaliação, exige “paixão humana, mas também ponderação, interesses em jogo e necessidades conflitantes”. “Temos de priorizar sim a preservação, a manutenção das espécies vivas, mas também permitir o desenvolvimento”, ressaltou. Segundo o relator, Código Florestal hoje vigente inviabiliza 90% das 5,2 milhões de propriedades existentes no País. Lembrou que várias culturas ficariam prejudicadas se a legislação ambiental fosse cumprida na íntegra. “Os bois que vivem no pantanal, o bioma mais preservado, e que se alimentam do capim em uma prática ambientalmente sustentável seriam criminalizados”, disse o deputado.

Ele também citou como exemplo de atividades que ficariam inviabilizadas 75% das propriedades produtivas de arroz em áreas de várzea no Rio Grande do Sul, a produção de café em Minas Gerais e no Espírito Santo, a de maça em Santa Catarina e a de uva no Rio Grande do Sul, além do cultivo da banana no Vale da Ribeira, em São Paulo, que abastece 20 milhões de consumidores que vivem próximos a esta região. Todas estas culturas estão em Áreas de Preservação Permanente (APPs), que são encostas e margens de rios e topos de morro.

Rebelo fez críticas aos interesses de Organização Não-Governamentais (ONGs) ligadas aos ambientalistas, que fazem campanha para impedir as mudanças no Código Florestal e inviabilizar o desenvolvimento do setor agropecuário. “Porque estas ONGs internacionais não questionam a agressividade da produção agrícola norte-americana, que é quatro vezes superior à do Brasil? Eles são líderes na produção de soja, de milho, de carne”, questionou o deputado.
 

Para mais informações clique aqui.


Fonte: FAEMG



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

23/09/2019 às 02:48

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1611 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey