Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


19/08/2015

Professora Cassia Carneiro é a nova Diretora Científica da SIF

A professora Angélica de Cássia Oliveira Carneiro, do DEF/UFV, foi eleita Diretora Científica da Sociedade de Investigações Florestais

Professora Cassia Carneiro

Professora Angélica, possui graduação em Engenharia Florestal pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), mestrado e doutorado em Ciência Florestal também pela UFV. Atualmente é professora adjunta do DEF/UFV e Coordenadora do Grupo Temático de Carvão Vegetal. Tem experiência na área de recursos florestais, com ênfase em energia da madeira.

A SIF é uma instituição que faz o elo entre as pesquisas desenvolvidas na universidade com a necessidade das empresas atuantes no setor florestal. A gestão da professora vem complementar a missão da instituição na promoção e no desenvolvimento do setor florestal, por meio da pesquisa científica, geração de conhecimento e do treinamento, a partir de projetos de cunho científico, econômico e socioambiental.

 


Fonte: Assessoria SIF



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (2)


g6VmWS22 disse:

15/11/2015 às 05:27

I've been through there. I was a shy and quiet girl when I first came, then a guy came to make fenrid with me. He introduced me to his fenrids and it grew out like that. My English was ok when I came here. Enough for me to make conversation and started some elective college level classes without taking ESL, yet I couldn't understand the news, couldn't watch TV or see movies. My first semester after 1 month I came here, I had a psychology teacher who always turned on some video clips in class then we would discuss about what we just saw. It freaked me out because I couldn't understand a word. All I could do was reading the whole chapter, line to line, to prepare for the discussion. I was lucky that all my fenrids are Americans. I spoke English at school and at home. I watched English speaking show and listened to US-UK music. I was surrounded with English. It was weird how one day I realized I could actually understand a movie, I could SPEAK English (by speaking I mean think in English and speak at the same time, not interpreting). One day I even had a dream in which I actually spoke English (I called it an English speaking dream). It's always true that the only tool to learn a language is to live with it. One of my American fenrid had the same experience when he went to Taiwan for an exchange program. He came knowing nothing about Chinese, 6 months later he could make a fluent conversation with the native. He also experienced the Chinese speaking dream . He was the one who came to me the first day at school and introduced me to his fenrids cuz he thought I was Chinese and he wanted to speak Chinese with me.

rsVJzMsmI disse:

15/11/2015 às 05:03

Coronel, que desrespeitam a lei que proedbe ocupae7e3o hnmaua em parques nacionais, no caso o parque nacional da Serra do Mar e na Tamoios e outras estradas na Serra do mar a disposie7e3o escrita na constituie7e3o que proedbe qualquer derrubada de e1rvores vivas na Serra e mata atle2ntica. poderiam com uma corrente acabar com todas as casas dos morros do RJ e Se3o Paulo, se ate9 florestas se3o derrubadas com corrente e tratores, os barracos prece1rios cairiam como de papel e ao voltar os ocupantes encontrariam tudo no che3o e os caminhf5es da prefeitura tirando todo o entulho e plantando as plantas nativas de futura floresta.A constituie7e3o federal protege a mata atle2ntica EM TODOS OS ESTAGIOS DE REGENERAc7c3O, quando verem sua e1rea com floresta plantada eles ne3o podere3o voltar e a prefeitura tem que conceder outra e1rea para uso em conjuntos habitacionais onde todos seriam inquilinos da prefeitura.Quem ne3o puder pagar que morem em pre9dios construeddos com este fim.Construe7e3o de novas avenidas marginais do Tietea e Pinheiros respeitando os cem metros entre o rio e a e1rea de domednio das duas avenidas marginais ( cada uma a um quilometro da outra, com 10 pistas para cada sentido e tfaneis para ligar as margens e proteger a fauna e teredamos 20 pistas cada lado do Rio Tietea e o mesmo nfamero no Rio Pinheiros, A APP do Rio somada e0 e1rea de domednio da Marginal soma um quilometro do rio, 500 m cada lado.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1494 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey