Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


09/07/2016

Produtores conhecem manejo de erva-mate para alta produtividade

O manejo da erva-mate plantada para alta produtividade foi tema de um dia de campo realizado em Ilópolis/RS, dia 16/06. Em discussão, o rebaixamento e desponte de erva-mate. Participaram do evento cerca de 40 produtores de erva-mate do município, que é o maior produtor de erva-mate do Rio Grande do Sul, responsável por cerca de 20% da produção do estado. O Dia de Campo aconteceu na propriedade de Valcir Montagner, que é produtor rural e sócio da Ximango Indústria de Erva-mate, em um trabalho de parceria do produtor com a Embrapa Florestas e Ibramate.
Produtores rurais e técnicos da Emater/RS assistiram a uma palestra sobre o Erva20, programa que a Embrapa Florestas está desenvolvendo para transferência de tecnologias que visam ao aumento da produtividade de ervais. Em seguida, no campo, os participantes conheceram práticas de manejo para a recuperação produtiva de um erval com mais de 30 anos. Este tipo de erval, mesmo que manejado adequadamente, com o tempo perde  drasticamente a produtividade, além de se tornar mais suscetível ao ataque de pragas e doenças. "A prática de rejuvenescimento do erval, via poda e adubação, entra como uma solução nestes casos", explica Ives Goulart, da área de TT da Embrapa Florestas e responsável pelo dia de campo. Além de aprender a maneira correta de fazer, os participantes conheceram uma área em que técnicos da Embrapa Florestas montaram uma Unidade de Referência Tercnológica (URT) que passou pelo processo de readequação do manejo e deve voltar a produzir de maneira satisfatória.
O desponte do erval também foi demonstrado. "Melhorias no manejo representam uma grande diferença na produtividade", alerta Ives. É o que já pode ser aferido na área do produtor Valcir Montagner, que aplicou a tecnologia usada na URT em outras áreas da propriedade. " Temos a expectativa de aumentar a produtividade em até 30% com o manejo adequado dos ervais, principalmente com a poda", conta Valcir Montagner. O produtor conta que diversas técnicas de melhoria de manejo do erval até são conhecidas pelos produtores, mas a realização de ações de transferência de tecnologia ajuda a entender como fazer corretamente. "Nossa intenção com o dia de campo é mostrar que podemos aumentar a produtividade com baixo custo para o produtor rural e, com isso, aumentar a lucratividade da cultura", explica.
"Ilópolis tem hoje cerca de 800 propriedades rurais, sendo que, em 80%, a erva-mate é o principal cultivo. Estas práticas apresentadas no dia de campo já são realizadas por alguns produtores, mas sempre dá mais segurança aprender sobre a forma de correta de fazer", avalia Clóvis Roberto Roman, Secretário de Agricultura do Município.
O evento foi realizado pela Embrapa Florestas, Ervateira Ximango e Ibramate.
Seminário Erva-mate XXI
As tecnologias mostradas no dia de campo fazem parte do programa Erva20, que está em fase de elaboração e será lançado no "Seminário Erva-mate XXI: modernização no cultivo e diversificação do uso da erva-mate", que acontece de 5 a 8 de outubro em Curitiba/PR. O programa tem como objetivo a adoção de práticas de manejo para altos rendimentos. Para saber mais sobre o evento, clique aqui.
 
Katia Pichelli (MTb 3594/PR) 
Embrapa Florestas 
florestas.imprensa@embrapa.br 
Telefone: (41) 3675-5638
 
Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/


Fonte: Embrapa Florestas



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

23/06/2017 às 23:03

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

Uma meta, sem um plano para chegar lá, nada mais é do que um simples desejo.
Antoine de Saint-Exupery

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

967 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey