Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


04/04/2008

Jornada de divulgação científica acontece em Porto Velho

A Embrapa Rondônia, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento realiza eventos que visam reunir profissionais de comunicação e de áreas afins da pesquisa agropecuária, pesquisadores e estudantes para debater idéias sobre a importância da divulgação científica com linguagem acessível, em especial da ciência florestal para a sociedade.

A Jornada de Divulgação Científica da Ciência Florestal acontece nos dias 10 e 11 de abril, em Porto Velho, com apoio das Faculdades Uniron e Faro. Estão programados para o primeiro, reunião técnica das 8h30 às 12h, no auditório da Embrapa Rondônia, e Seminário de Sensibilização para a Divulgação Científica, das 19h às 21h, no auditório da Campus II da Uniron, aberto ao público. Na sexta-feira, a partir das 19h, este seminário será realizado na Faro.

Esses eventos contarão com a participação especial do professor e jornalista Mauro Celso Destácio, especialista em divulgação científica pelo Núcleo José Reis de Divulgação Científica da ECA/USP.

Paralelo à Jornada, a Embrapa Rondônia em parceira com a Uniron promove a oficina de divulgação científica e produção de spots sobre pesquisa florestal, nos dias 08 e 09, para acadêmicos do curso de comunicação social.

Os eventos fazem parte das atividades de capacitação do projeto “Estratégias de Comunicação para a divulgação científica de resultados da pesquisa florestal desenvolvida pela Embrapa na Amazônia Ocidental (ComCiência Florestal)”, conduzido pela Embrapa Rondônia com recursos do CNPq/PPG7. O projeto, liderado pela pesquisadora Vânia Beatriz de Oliveira, tem por objetivo divulgar resultados de pesquisa na área florestal na Amazônia, em especial pelas Unidades da Embrapa Rondônia e da Embrapa Amazônia Ocidental, sobre zoneamento edafoclimático de espécies florestais para reflorestamento e zoneamento de sistemas agroflorestais para a recuperação de áreas degradadas.

Vânia salienta que o projeto tem a idéia de contribuir para a popularização da ciência e fortalecimento da cidadania, por proporcionar aos públicos alvo, o acesso à informação em linguagem adequada, sobre os benefícios dessas tecnologias. “Levar ciência ao conhecimento do cidadão comum é um desafio que se apresenta aos cientistas e aos profissionais das áreas de comunicação e educação”, reforça a pesquisadora.


Fonte: Embrapa Rondônia



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

22/02/2019 às 06:09

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas

COLHEITA DE CHUVAS NO CAMPO


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


842 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE   |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey