Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


01/07/2013

Fungo de seringueira já pode ser combatido com eficácia

Pesquisadores da Unesp, em Botucatu, são os autores do estudo que dará tranquilidade aos produtores rurais

Foto: Google

Em meio aos talhões saudáveis e produtivos, os trabalhadores rurais percebem facilmente quando algo não vai bem. A árvore atingida por fungo fica ressecada e a casca apodrece, ficando difícil extrair o látex.

Os pesquisadores da Unesp de Botucatu percorrem as lavouras da região em busca de plantas com a fusariose, doença causada por um fungo do solo. Em uma fazenda que fica em Pirajuí, no centro-oeste paulista, foram plantados 450 hectares. São 200 mil pés de seringueira, onde 30% dos talhões estão doentes, 10 vezes mais do que o índice normal.

Para evitar que a produtividade da lavoura fosse totalmente prejudicada, os agricultores do interior de São Paulo tiveram de mudar a forma de manejo. Primeiro, eles marcam as árvores atingidas pelo fungo. Depois, invertem a sangria e fazem o corte de baixo para cima, escolhendo partes da planta que ainda não foram afetadas.

O processo ajuda a manter a produção, mas não livra a lavoura do fungo, por isso, depois de muito estudo, os pesquisadores da Unesp conseguiram desenvolver uma fórmula para combater a doença.

A mistura é simples: meio litro de tinta branca para proteger o tronco dos raios de sol, meio litro de água e 5 ml de fungicida tebuconazole.

Primeiro é preciso arrancar a casca podre. Depois, com todos os equipamentos de segurança, é só pintar a árvore com a mistura. A tinta é usada para fixar o fungicida e evitar que ele saia com a chuva. Para fazer o combate, o agricultor vai gastar, em média, R$ 0,80 por pé de seringueira.

O pesquisador Edson Furtado orienta ainda que os trabalhadores limpem a faca de uma árvore para outra, o que pode ser feito com água sanitária.


Fonte: G1



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

06/06/2020 às 01:54

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


2726 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey