Facebook Twitter RSS

Avanço e Pesquisa

Versão para impressão
A-
A+


14/10/2010

De fonte de poluição o lodo de celulose passa a ser produto vendável

O material que antes era apontado como fonte de poluição, atualmente é usado como “vermicompostagem de lodo”, enriquecendo o solo de jardins, hortas e pomares.

Os lodos são materiais pastosos e úmidos, de aspecto homogêneo, coloração escura, odor característico, ricos em matéria orgânica e água e que são gerados em processos industriais de conversão na forma de resíduos sólidos. 

Nas fábricas integradas de celulose e papel e nas fábricas de papel reciclado, o lodo primário (às vezes, conhecido como Lodo do Papel) é bastante rico em impurezas minerais, que são resultantes da separação ou perdas de cargas minerais utilizadas na fabricação do papel ou separados na preparação da massa a partir das aparas recicladas.

Um outro tipo de lodo menos comum nas fábricas brasileiras de celulose e papel é o Lodo Químico obtido pela floculação (processo no tratamento da água que depois de adicionar coagulantes transformam-se em pequenos flocos) de material orgânico finamente dissolvido/misturado e de difícil remoção biológica.

Os lodos são inevitávelmente gerados nos processos de fabricação de celulose e papel, a falta de espaço físico para dispor os resíduos gerados pelo processo de fabricação é um dos grandes problemas da indústria no Brasil e no mundo, eles são gerados em quantidades que podem variar entre 10 e 400 toneladas de produto vendável.

O material que antes era apontado como fonte de poluição, atualmente é usado como “vermicompostagem de lodo”, enriquecendo o solo de jardins, hortas e pomares. O lodo de celulose desenvolve também as minhocas e uma infinidade de organismos pertencentes ao grande grupo dos invertebrados despertando o interesse científico.

O uso de lodo como combustível alternativo na geração de energia, está sendo estudado, e está intimamente ligado as suas características físicas e químicas. O material orgânico tem sido usado por produtores de eucaliptos como adubo substituindo os fertilizantes químicos, o lodo também é um grande regulador natural de terras.

Veja a publicação na íntegra: http://www.eucalyptus.com.br/eucaliptos/PT20_LODOS.pdf
 


Fonte: Painel Florestal (Com informações de Celso Foelkel)



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

24/08/2019 às 11:33

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


4390 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey