Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


27/06/2012

Cenibra prevê crescimento de até 15%

Expectativa se deve à valorização do dólar ante o real e o aumento do preço da commodity

Google
A valorização do dólar frente ao real, aliada ao incremento dos preços da celulose no mercado internacional, deverá provocar um crescimento entre 10% e 15% na receita (em reais) da Celulose Nipo-Brasileira (Cenibra) em 2012, na comparação com o ano passado, conforme o presidente da empresa, Paulo Eduardo Rocha Brant. Em 2011, a companhia, com planta em Belo Oriente (Vale do Rio Doce), registrou retração de 13,4% no resultado em relação ao exercício anterior.

"Cerca de 95% da receita da Cenibra é em dólar e os nossos custos em reais. Por isso, os efeitos da variação cambial são positivos", diz. A moeda norte-americana, que até o início deste ano estava cotada em aproximadamente R$ 1,80, ultrapassou a barreira dos R$ 2,00, beneficiando as empresas exportadoras.

Na opinião de Brant, se for levada em consideração a variação da inflação nos últimos anos, o patamar ideal seria entre R$ 2,30 e R$ 2,40. "Mas acima dos R$ 2,00 já é um bom nível", afirma.

Além disso, a indústria registrou melhora nos preços da celulose no mercado internacional. Na Europa, por exemplo, a tonelada da commodity é negociada por aproximadamente US$ 760. No final do ano passado, a mesma quantidade era comercializada por US$ 700.

Apesar das perspectivas positivas, Brant lembra que os resultados dependerão do desempenho da variação cambial e dos preços internacionais da celulose. "Se este patamar for mantido, deveremos registrar crescimento entre 10% e 15% na receita", diz.

Em volume produzido, segundo ele, os resultados deverão ficar próximos aos verificados no ano passado. "A companhia está operando perto da capacidade instalada", afirma o executivo. Dessa forma, o crescimento na produção deverá ser em índices poucos significativos.



Exportações - A Cenibra é a 9ª maior exportadora de Minas Gerais, respondendo por 1,8% das vendas externas. Entre janeiro e maio, os embarques da companhia movimentaram US$ 243,047 milhões, contra R$ 296,607 milhões nos cinco primeiros meses de 2011, queda de 18,06%, conforme informações do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). Brant explica que essa redução foi causada por um atraso no embarque de uma venda realizada pela companhia. 

Segundo ele, os impactos positivos com a alta do dólar já são sentidos pela produtora de celulose.O principal mercado da empresa é a Europa, que responde por cerca de 40% das exportações, seguida por Japão e China, ambos com 20%, e Estados Unidos e Canadá, com 10%. As vendas internas da Cenibra consomem aproximadamente 10% da produção.

Em 2012, os investimentos deverão ficar nos mesmos patamares verificados nos últimos anos, aproximadamente US$ 100 milhões. As inversões serão feitas basicamente para a modernização das operações, uma vez que a ampliação da produção não está nos planos da indústria para o atual exercício.

Além disso, conforme já informado, a companhia estuda mudar o seu sistema logístico de transporte de madeira em suas operações na região do Vale do Rio Doce. A ideia é usar "cavacodutos" para transportar o insumo já fragmentado das áreas de plantio, colheita e corte até as linhas de produção. O projeto é inédito no Brasil e demandaria grandes investimentos.


Fonte: Diário do Comércio



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

29/09/2020 às 02:47

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1450 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey