Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


23/07/2013

Goiânia sedia II Workshop Brasileiro de mogno africano

Encontro nacional discute o desenvolvimento e apresenta inventário florestal da espécie

Plantio de mogno africano em São João do Itapiriú, no Estado de Santa Catarina

Nos próximos dias 16 e 17 de agosto Goiânia vai sediar o II Workshop Brasileiro de Mogno Africano. O evento técnico-agronômico e científico, destinado a investidores do setor florestal, produtores rurais, estudantes e comunidade em geral, tem por objetivo mostrar as potencialidades comerciais dessa espécie de madeira nobre e esclarecer dúvidas sobre seu cultivo e manejo. Nesta edição, o evento conta com um módulo prático, onde será ministrado um curso sobre o cultivo do mogno africano.

A professora doutora Sybelle Barreira é uma das palestrantes do evento. Durante sua explanação, a docente da Universidade Federal de Goiás (Escola de Agronomia – Curso de Engenharia Florestal/ UFG) irá falar sobre o desenvolvimento do mogno africano em algumas regiões brasileiras, destacando suas dimensões de diâmetro e altura, por exemplo, além de apresentar em primeira mão os resultados já alcançados pelos produtores da espécie em todo país.

Segundo a palestrante, esses resultados tiveram como base inventários florestais e serão apresentados na forma de gráficos e tabelas para que os participantes possam visualizar o que esta espécie pode proporcionar a seus plantadores e a possíveis investidores. Ainda poderá acrescentar como esta espécie poderá ser utilizada na reserva legal das propriedades legais do Estado de Goiás, já que foi uma das docentes que teve participação ativa nas discussões que culminaram com a aprovação do código florestal estadual.

Para participar do evento, os interessados devem acessar www.workshopmognoafricano.com.br para realizarem suas inscrições, que serão feitas exclusivamente neste site. No ambiente virtual, basta clicar no link “Inscrições”, optar por uma das três modalidades de participação, preencher os espaços solicitados e efetuar o pagamento, cujos preços variam de acordo com a inscrição escolhida: somente o curso ou o seminário R$ 200 (duzentos reais), curso e seminário R$ 300 (trezentos reais).

Estudantes que necessitem de certificado de participação para fins acadêmicos deverão solicitar o mesmo no ato da inscrição. O evento propiciará conhecimento mais detalhado sobre o desenvolvimento da cultura do mogno no Brasil, seus sistemas de produção, quais as vantagens de se investir na cultura e produção da espécie para fins comerciais e quais as linhas de crédito mais viáveis para viabilizar este investimento.

Sobre o Mogno Africano

O Mogno Africano surgiu como uma outra opção, já que o Mogno Brasileiro, sofre ataque severo de pragas em plantios comerciais e teve seu corte proibido no país. Espécie tropical que se adaptou muito bem às condições brasileiras, produzindo madeira de alta qualidade e valor em diferentes tipos de clima e solo. Já é cultivada para fins comerciais por produtores rurais, profissionais liberais e empresários de diversos setores em várias regiões do país (AL, BA, DF, GO, MG, MS, PA, PI, RJ, RO, RR, RS, SC, TO). As indústrias moveleiras europeia e americana de alto padrão encontraram em sua cor avermelhada e fácil manuseio os ingredientes ideais para atender a demanda de um público exigente, que preza também pelo uso racional dos recursos do meio ambiente.

FICHA TÉCNICA DO II WORKSHOP BRASILEIRO DO MOGNO AFRICANO:

Local: Centro de Convenções de Goiânia - Auditório Lago Azul e Fazenda Sozinha – Bonfinópolis - GO

Período: 16 e 17 de agosto de 2013

Inscrições e informações: www.workshopmognoafricano.com.br ou pelo telefone (62) 3296.2006

Realização: Mudas Nobres

Patrocinadores: Arvoreta, Dako, Fertilizantes Heringer, Plant Defender, Produquímica, Sebrae, Usifibras

Apoio: Banco do Brasil, Faeg, Painel Florestal, UFG


Fonte: Painel Florestal



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

18/03/2019 às 17:28

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1513 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE   |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey