Facebook Twitter RSS

Avanço e Pesquisa

Versão para impressão
A-
A+


25/04/2013

Métodos indiretos para avaliar a perda de rendimento do branqueamento de polpa kraft

Dissertação de Mestrado defendida no Departamento de Engenharia Florestal da UFV pela Engenheira Florestal Regina Maria Gomes sobre a medição do rendimento no branqueamento de polpa kraft

Fonte: Google
O processo de branqueamento de polpa celulósica tem por objetivo remover ou transformar os grupos cromóforos da polpa, de modo que o produto final atinja uma desejada alvura, mas o branqueamento causa uma inevitável perda de rendimento. Assim sendo, este trabalho foi realizado com a proposta da utilização do teor de sólidos dissolvidos (SD), da demanda química de oxigênio (DQO) e do carbono orgânico total (TOC) dos filtrados de cada estágio de branqueamento como técnicas indiretas para quantificar a perda de rendimento. Utilizou-se polpas industriais de Eucalyptus spp. (polpa marrom e polpa deslignificada com oxigênio). Os rendimentos gravimétricos de cada estágio de branqueamento foram determinados e foi calculado o rendimento total do branqueamento. Realizou-se teste de identidade de modelos com as equações de regressão obtidas a fim de se avaliar a correlação entre as técnicas e a também se avaliar a influência das condições empregadas em cada estágio da sequencia na perda de rendimento. Foi possível concluir que as três técnicas propostas podem ser utilizadas para a determinação indireta da perda de rendimento, sendo o SD e o TOC as técnicas mais indicadas para a determinação da perda de rendimento na Pré-O2 e no branqueamento D*(EP)D, respectivamente. Cada uma unidade percentual de SD corresponde a 2,19% de perda de rendimento na Pré-O2. Cada unidade de TOC (kg C/ t polpa seca) corresponde a uma perda de rendimento de 0,27%, considerando-se as temperaturas de 90, 90 e 75oC nos estágios D*, (EP) e D, respectivamente, e independentemente do fator kappa em D* na faixa de 0,12 a 0,28. As perdas de rendimento em cada estágio e na sequência inteira são influenciadas pelas condições empregadas, não existindo portanto uma equação genérica que proporcione esta determinação indireta.

Orientação e Banca
Orientador: Jorge Luiz Colodette
Coorientador: Hélio Garcia Leite
Membro da banca: Teresa Cristina Fonseca da Silva

Para acesso à dissertação completa, acessar o link:
http://www.tede.ufv.br/tedesimplificado/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=4299






Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (1)


WkGGiPPxK3Ie disse:

30/09/2013 às 11:31

Caro Nuno Castro, eu nunca defendi isso. Citando um autor, sobre o qual o Vasco Pulido Valente escevreu recentemente que ele apenas estudou a Inglaterra do se9culo XIX, num dos seus textos mais conhecidos, O 18 de Brume1rio de Louis Bonaparte (provavelmente um monarca ingleas ), Marx escevreu: Os homens fazem a sua prf3pria histf3ria, mas ne3o a fazem segundo a sua livre vontade; ne3o a fazem sob circunste2ncias de sua escolha e sim sob aquelas com que se defrontam diretamente, legadas e transmitidas pelo passado. A tradie7e3o de todas as gerae7f5es mortas oprime como um pesadelo o ce9rebro dos vivos . Os homens team a liberdade de fazer a sua vida, mas essa liberdade este1 condicionada e0s condie7f5es em que vivem e transformam o mundo. Sobre a ideia que he1 um comportamento individual totalmente aleatf3rio e errante, e9 capaz de ser verdade, mas tambe9m e9 verdade que no conjunto da humanidade esse comportamento e9 condicionado, sobre isso escevreu longamente um dos cle1ssicos fundadores da sociologia Durkheim quando estudou o suiceddio. Decise3o aparentemente a mais individual de todas, mas sobre a qual era possedvel retirar regularidades sociais. Nos dias de hoje, se assim ne3o fosse ne3o era possedvel fazer, por exemplo, sondagens .que ne3o constam que sejam feitas a plantas.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


2909 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey