Facebook Twitter RSS

Avanço e Pesquisa

Versão para impressão
A-
A+


25/03/2013

Padrões de miniestacas e densidade de minicepas na propagação clonal de Eucalyptus grandis x E. urophylla

Dissertação de Mestrado defendida no Departamento de Engenharia Florestal da UFV pela Engenheira Florestal Cibele Chaves Souza, sobre propagação clonal de minicepas de híbridos de eucalipto

Fonte: Google
Nos programas de silvicultura clonal de Eucalyptus, a capacidade de enraizamento das miniestacas tem sido considerada um fator importante, uma vez que a produção comercial dos clones se dá por meio da técnica de miniestaquia. Nesse sentido, o trabalho teve por objetivos avaliar: 1) a influência de diferentes padrões de miniestacas no enraizamento e produção de mudas de híbridos de Eucalyptus grandis x E. urophylla no verão e no inverno; 2) o efeito de dois padrões de miniestacas e quatro tipos de substratos na produção de mudas clonais de Eucalyptus grandis x E. urophylla; e 3) diferentes densidades de minicepas em canaletas de areia quanto à produção de miniestacas e sobrevivência das minicepas e das miniestacas produzidas. Foram utilizados cinco clones de Eucalyptus grandis x E. urophylla para o estudo de 12 tipos de miniestacas no verão e no inverno e para o estudo de dois tipos de miniestacas em conjunto com quatro substratos na produção de mudas. Já para a densidade de minicepas em minijardim clonal foram utilizados dois clones híbridos de Eucalyptus grandis. Os resultados mostraram respostas diferenciadas dos clones quanto aos tipos de miniestacas, substratos e época do ano. A não redução das folhas das miniestacas se mostrou procedimento adequado para produção de mudas nas duas épocas do ano, sendo que as mudas produzidas no verão utilizando miniestacas de 10 cm de tamanho tiveram maior crescimento. Os substratos formados por vermiculita e casca de arroz carbonizada resultaram em melhores resultados e aqueles formados por composto orgânico não se mostraram adequados para produção de mudas clonais de Eucalyptus grandis x E. urophylla, principalmente pela baixa qualidade das mudas produzidas. Já para os minijardins clonais, as menores densidades de minicepas/m² (com 57 e 78 minicepas/m²) levaram a uma maior produção de miniestacas e menor mortalidade das minicepas.

Orientação e Banca
Orientador: Aloísio Xavier
Coorientadores: Reynaldo Campos Santana e Fernando Palha Leite
Membros da banca: Haroldo Nogueira de Paiva e José Mauro Gomes

Para acesso à dissertação completa, acessar o link:
http://www.tede.ufv.br/tedesimplificado/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=4328




Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (1)


dztmlZM5Rv disse:

28/09/2013 às 05:51

Ya tiene que tener potencial emanoocil una abuela para ser fuente de tanta inspiracif3n. Por una vez la voy a felicitar a ella. bfVerdad que es hora de homenajearlas?A las abuelas

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


3393 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey