Facebook Twitter RSS

Avanço e Pesquisa

Versão para impressão
A-
A+


07/02/2013

A Capivara: uma ampla revisão sobre este animal tão importante

Professor Elias
Primeiramente se faz necessário definir dois termos que surgirão várias vezes no decorrer do texto: fauna silvestre brasileira e criadouros.
 
Entende-se por fauna silvestre brasileira, todos aqueles animais pertencentes às espécies nativas, migratórias e quaisquer outras aquáticas ou terrestres, reproduzidos ou não em cativeiro, que tenham seu ciclo biológico ou parte dele ocorrendo naturalmente dentro dos limites do Território Brasileiro e suas águas jurisdicionais. Já a expressão criadouro é entendida como sendo uma área dotada de instalações capazes de possibilitar o manejo, a reprodução, a criação e a recria de animais  silvestres.
 
Atualmente muito se comenta a respeito  da criação de animais silvestres brasileiros como uma forma de preservação das espécies. As correntes conservacionistas  atuais apontam a criação de animais silvestres, com finalidade comercial, como um dos caminhos mais lógicos para a proteção de algumas espécies da fauna brasileira, especialmente as que possuem potencial zootécnico, como a capivara - Hydrochoerus hydrochaeris -, a paca - Agouti paca -, a ema - Rhea americana -, entre outras. Tais espécies são vitimas da caça predatória e da destruição de seus habitats, o que pode levar a uma diminuição progressiva de suas populações. A criação em cativeiro é, de certa forma, uma proteção para a espécie, visto que o fornecimento de carne para o mercado pode contribuir para a diminuição da caça clandestina.
 
Este tipo de criação pode incorporar ao sistema produtivo áreas marginais das propriedades rurais, que podem ser utilizadas para a criação de espécies  faunísticas. Como exemplo, pode-se citar a capivara, que é um animal nativo, e já adaptado ao ambiente, clima e parasitas regionais, o que representa uma grande vantagem em relação aos animais domésticos que normalmente são criados nessas propriedades.
 
A criação de capivaras em regime intensivo ou semi-intensivo pode resultar num melhor aproveitamento das pequenas propriedades rurais e até mesmo de áreas maiores, que porventura estejam ociosas e tenham as características adequadas para tal. Com um investimento relativamente pequeno e alguns cuidados especiais pode-se gerar uma economia paralela na propriedade, contribuindo para a diluição dos custos e também para a melhoria da alimentação da família que nela vive.
 
Com base no exposto, visa-se com este trabalho  apresentar uma revisão na qual se possa conhecer um pouco mais sobre a capivara, abordando temas como sua origem, classificação, habitat natural, características comportamentais e reprodutivas, aspectos que são importantes de serem levados em consideração antes de instalar um criadouro com esta espécie. Aborda-se também a criação  em cativeiro  e os tipos de produtos e subprodutos que podem ser obtidos a partir deste animal.

Para acessar o artigo, clique aqui!

Elias Silva
Engenheiro Florestal e Professor Dr. do Departamento de Engenharia Florestal da Universidade Federal de Viçosa




Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (3)


AwzOZvXuHgjHTZ disse:

04/03/2013 às 12:28

Filipe, c9 bem por aed. Na verdade, de certa forma o jansolirmo je1 e9 financiado com dinheiro pfablico, je1 que as treas esferas de governo compf5em um pedae7o importante do bolo publicite1rio dos veedculos. Qual e9 saedda, ente3o? Movimentos como o Spot.us, no qual o pfablico financia as reportagens?abs

Elias Silva disse:

16/02/2013 às 10:17

Caro Sr. Sebastião de Oliveira Freire:

Agradeço-lhe pelo interesse demonstrado em nosso artigo.

Para maiores informações sobre a criação de capivaras e pacas, oriento-lhe no sentido de acessar o site www.cpt.com.br na parte de pequenas criações. Em caso de interesse, adquira o material, conforme instruções que lá encontrarás.

At.

Prof. Elias Silva

SEBASTIÃO DE OLIVEIRA FREIRE disse:

11/02/2013 às 10:37

Prezado(s) senhor(es), bom dia.
Achei muito interessante o documentário do Professor Elias Silva e gostaria de ter maiores informações sobre a criação de capivara e paca.
Um grande abraço.
Sebaastião O, Freire
Rua Bocaiuva, 1078 - Centro
39.400-080 - Montes Claros MG.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


2586 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey