Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


06/11/2012

Eldorado começa a atender demanda do mercado internacional na London Pulp Week

Maior fábrica de celulose do mundo apresenta sua capacidade de 1,5 milhão de toneladas por ano em um dos eventos mais reconhecidos do setor.

Fonte: Google

A Eldorado Brasil – a mais nova empresa brasileira do setor de celulose – começa esta semana a atender a demanda internacional do produto. A Empresa participa da London Pulp Week, um dos eventos mais importantes do segmento, onde clientes fabricantes de papel de todo o globo se encontram para negociar seus contratos com os grandes produtores mundiais.

A expectativa da Eldorado, que tem a maior unidade produtiva de celulose em linha única, é muito positiva.

“A entrada de novos consumidores no mercado de papel tissue - papeis sanitários como lenço facial, guardanapos e afins -, deixa o mercado muito promissor e a Eldorado contribui para atender esta demanda com a produção de celulose de fibra curta”, explica o presidente e CEO da Eldorado Brasil José Carlos Grubisich. “Normalmente, quem inicia o uso de descartáveis dificilmente volta a consumir produtos convencionais, o que também contribui com o crescimento do mercado”, completa.

A demanda global por celulose de fibra curta cresce entre 1% e 1,5% ao ano, o que representa a necessidade de mais 1 milhão de toneladas anualmente. Desde 2010 o segmento não teve a entrada de nenhuma grande capacidade para atender a demanda do mercado e é nesse cenário que a Eldorado inicia a produção com capacidade de 1,5 milhão de tonelada de celulose por ano. A expectativa é que novas capacidades passem a funcionar plenamente apenas a partir de 2014. “A entrada da Eldorado no mercado é fundamental para suprir a demanda do continente Asiático, principalmente vinda da China, e de países emergentes”, afirma o executivo.

A Empresa também contribuirá com a evidência da produção brasileira frente ao mercado internacional, mantendo a liderança de celulose de fibra curta. Atualmente, o País produz cerca 14 milhões de toneladas por ano. Até 2014, com a contribuição da Eldorado, a produção nacional deve chegar a 17 milhões.

De acordo com a Associação Brasileira de Celulose e Papel (Bracelpa), com este acréscimo, o Brasil deve subir ao 3º lugar no ranking dos maiores produtores de celulose do mundo nos próximos anos, que somando todos os continentes atualmente produz cerca de 200 milhões de toneladas por ano, entre celulose fibra longa e fibra curta, branqueada e não-branqueada, tanto para consumo próprio como para vender ao mercado, número que também tende a crescer com a entrada de novos consumidores.

Para isso, a Eldorado investiu R$ 6,2 bilhões em sua primeira linha de produção. O investimento destinou R$ 4,5 bilhões à construção da fábrica, R$ 800 milhões à logística e R$ 900 milhões à composição das florestas próprias de eucalipto. O plano de expansão da Empresa prevê a segunda linha para 2017, com capacidade para mais 1,5 milhão de toneladas por ano, e uma terceira fase para 2020 com mais 1,5 milhão de toneladas. “Somadas, as três linhas permitirão a Eldorado produzir cerca de 5 milhões de tonelada de celulose por ano até 2021”, acrescenta Grubisich.

Do total produzido, já na primeira fase, mais de 90% será destinado à exportação para os mercados de papel localizados na América do Norte, Europa e Ásia e cerca de 10% para o mercado interno.

Durante a London Pulp Week, que acontece até 9 de novembro, em Londres, a Eldorado receberá clientes de todo o continente europeu, América do Norte e Ásia. Para marcar o início das atividades da semana, a Eldorado ofereceu um jantar na noite do dia 4 para os principais clientes internacionais do mercado e selou o compromisso da Empresa com o mercado global de celulose de fibra curta, recepcionando os visitantes com uma vernissage exclusiva à Tate Modern.

Entre obras de Matisse e Picasso, os participantes ainda puderam apreciar obras do artista brasileiro Hélio Oiticica.


Fonte: Painel Florestal/Assessoria



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (1)


vHEUbZfkgYzjbSpP disse:

30/11/2012 às 06:56

Brilliance for free; your parents must be a sweetheart and a cretieifd genius.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1462 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey