Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


09/02/2011

ABNT libera para votação projeto de norma sobre o mercado voluntário de carbono

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) colocou à disposição da sociedade, para votação, o Projeto de Norma 146:000.00-001 - Mercado voluntário de carbono - Princípios, requisitos e orientações para comercialização de reduções verificadas de emissões.

O documento, elaborado pela Comissão de Estudo Especial de Mercado Voluntário de Carbono (ABNT/CEE-146), foi adicionado à Consulta Nacional na segunda-feira (07/02) e poderá ser apreciado até o dia 7 de abril no site www.abnt.org.br/consultanacional.
 
O Projeto de Norma especifica princípios, requisitos e orientações para comercialização de Reduções Verificadas de Emissões (RVE) no mercado voluntário de carbono brasileiro. Inclui requisitos para elegibilidade das reduções de emissões, transparência de informações e registro de projetos de RVE.
 
O mercado voluntário de carbono não se submete a acordos internacionais, como o Protocolo de Kyoto, e há no mundo diversos procedimentos para a comercialização dos papéis referentes às RVE, que em 2009 movimentaram mais de US$ 700 milhões.
 
A Comissão de Estudo Especial, constituída em abril de 2010, justifica que no Brasil as possibilidades de desenvolvimento do mercado aumentam com as metas voluntárias anunciadas pelo governo federal na Política Nacional de Mudanças Climáticas e por estados que desenvolveram leis específicas, caso de São Paulo e Amazonas. Alega que para o sucesso do mercado voluntário no Brasil, é necessário que alguns parâmetros básicos para o desenvolvimento dos mercados de carbono globais sejam atendidos, de forma a garantir aos participantes um ambiente de negócios idôneo e que atenda às suas principais necessidades.


Fonte: Oficina da Palavra



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

27/09/2020 às 14:38

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para carvão?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


2629 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey