Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


01/02/2009

Corte em projeções faz C&P liderar perdas

Considerado por muitos especialistas como um dos segmentos mais vulneráveis a esse movimento, o setor de papel e celulose tomou conta da ponta negativa do Índice Bovespa nesta sessão.

Em uma quinta-feira marcada pelo pessimismo quanto à saúde da economia global, o Ibovespa terminou o dia com queda de 1,46%. Indicadores econômicos negativos distribuídos pela Europa e EUA exerceram forte pressão sobre as perspectivas para a demanda por commodities. 

Considerado por muitos especialistas como um dos segmentos mais vulneráveis a esse movimento, o setor de papel e celulose tomou conta da ponta negativa do Índice Bovespa nesta sessão. Líder em desvalorizações, os papéis da Klabin terminaram com forte queda de 6,45%, cotados a R$ 3,19.

O segundo lugar entre os destaques de baixa do índice ficou com as ações da maior produtora de celulose de eucalipto do mundo, a Aracruz, que sofreram pressão adicional das projeções pessimistas da Raymond James & Associates e assim terminaram com recuo de 4,72%, cotadas a R$ 2,02.

Corte nas projeções
Por meio de nota enviada aos seus clientes, a consultoria reduziu as expectativas não só para a companhia, como também para o setor como um todo. A retração na demanda pela matéria-prima foi a justificativa concedida pelos analistas.

"Rebaixando as expectativas para os preços em 2009, nossa visão sobre a Aracruz fica ainda mais negativa, diante dos impactos não só sobre a companhia, mas também sobre a empresa resultante da fusão com a VCP", declarou a consultoria.

Os analistas reduziram projeções aos preços para a celulose de eucalipto em 7,6%, para US$ 610 por tonelada métrica. Além da queda na demanda, as perspectivas de elevados níveis de estoque para a primeira metade deste ano também foram destacadas pelos analistas.

Algum sinal de melhora
A agência de classificação de risco Moody's alterou na última quarta-feira (28) a direção da revisão do rating da Aracruz para uma possível elevação. Anteriormente, a nota da companhia era revista para um possível rebaixamento.

Segundo a agência, a ação reflete o anúncio de que a Aracruz concluiu com sucesso a negociação para reestruturar sua dívida relacionada às operações de derivativos, no valor de US$ 2,13 bilhões, além de aproximadamente US$ 500 milhões em dívidas pré-existentes por um período total de amortização de nove anos.

Mais perdas
Afetados também pelo cenário pessimista para o setor, os papéis da Suzano Papel e VCP registraram fortes perdas. Os ativos da primeira terminaram com queda de 4,34%, cotados a R$ 11,69, enquanto as ações da segunda tiveram perdas de 2,06%, fechando a R$ 14,26.


Fonte: InfoMoney.



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

22/07/2019 às 07:44

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1551 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey