Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


23/05/2010

Economia em Alta Aquece o Setor de Papelão

A Makurky, fabricante de embalagens localizada em São Bernardo, na grande São Paulo, teve um crescimento de quase 70% na produção de janeiro a abril deste ano, quando comparado com o mesmo período do ano passado. “Embora o primeiro semestre de 2009 tenha sido, de fato, atípico para este mercado, o aquecimento em 2010 é expressivo e tem exigido reestruturação dos negócios para atendimento à alta demanda”, afirma Eduardo Batistella Mazurkyewistz, diretor da Mazurky.

 A Makurky, fabricante de embalagens localizada em São Bernardo, na grande São Paulo, teve um crescimento de quase 70% na produção de janeiro a abril deste ano, quando comparado com o mesmo período do ano passado. “Embora o primeiro semestre de 2009 tenha sido, de fato, atípico para este mercado, o aquecimento em 2010 é expressivo e tem exigido reestruturação dos negócios para atendimento à alta demanda”, afirma Eduardo Batistella Mazurkyewistz, diretor da Mazurky.
 
Esse resultado é reflexo da alta nas vendas de eletrodomésticos, vestuário, livros e medicamentos, entre outros itens que tiveram alta na economia e que utilizam  embalagens de papelão. Até março deste ano a demanda para o papelão ondulado, teve aumento de 20%. Estimativas da Associação Brasileira de Papelão Ondulado indicam que o setor pode bater recorde de vendas no acumulado do ano.
 
Como consequência desse aquecimento no mercado, os custos de todas as matérias-primas são crescentes desde o início do segundo semestre de 2009. A elevação dos preços das fibras primárias e secundárias (aparas), que sofrerão o segundo reajuste do ano em junho, irão empurrar os preços das embalagens de papel para cima, a exemplo do que ocorre no Estados Unidos e Europa.
 
O cenário inverte a realidade do ano passado, quando as indústrias de papelão respiraram aliviadas por ter apresentado resultado apenas estável, com variação negativa de 0,01% em relação a 2008. Isso porque, até junho de 2009, o mercado de papelão apresentou retração de 7,08% em relação ao mesmo período de 2008, o que indicava que a queda acumulada poderia ser ainda maior.
 
“Em função do crescimento da demanda no cenário nacional e internacional, toda a cadeia de fibras, virgens e recicladas, tem trabalhado no limite de suas capacidades. Com isso, o custo da matéria-prima aumenta e exige readequações na política de preços e na organização das empresas produtoras de embalagens”, afirma Eduardo Mazurkyewistz.
 
Já vislumbrando o aquecimento do setor em 2010, a partir da avaliação do mercado internacional de produção de papelão e das expectativas para a economia brasileira, no final de 2009 a Mazurky investiu na aquisição de novas máquinas, na reestruturação da operação logística e do armazenamento de produtos.
 
“Conseguimos diminuir o setup das máquinas, ou seja, o tempo em que ficam paradas, com consequente elevação da produtividade. Assim, podemos equacionar melhor a alta dos preços da matéria-prima de nossos produtos e manter a operação saudável”, finaliza Eduardo Mazurkyewistz.
 


Fonte: Celulose Online



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

29/01/2020 às 17:35

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para carvão?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


4226 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey