Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


15/12/2014

Empresa cria papelão reciclado de embalagens fast food que retém gordura

Permitir que a proporção de fibras de papel reciclado na embalagem de fast food aumente e ao mesmo tempo fazer com que o material se torne industrialmente compostável

Este é o objetivo do “biopolímero ecovio PS 1606” que é aplicado ao papelão reciclado em um processo de revestimento por extrusão.

Desenvolvido pela química BASF, em parceria com a alemã Schuster Karton, o biopolímero é a busca por uma solução que gera uma impermeabilidade às gorduras, retém líquidos e cria resistência à migração de substâncias. Feito a base biológica, o ecovio é biodegradável de acordo com a norma técnica americana ASTM 6400 e a norma técnica europeia EN 13432.

O revestimento de polímero aplicado ao papelão é bem mais fino do que um fio de cabelo humano, mas, no entanto, fornece excelente proteção às embalagens contra a potencial migração de substâncias indesejadas, oferecendo simultaneamente impermeabilidade às gorduras e retenção de líquidos. As embalagens de papelão produzidas dessa forma são mais que 90% biológicas, recicláveis e industrialmente compostáveis.

Os revestimentos de barreiras tradicionais estão perdendo cada vez mais a aceitação entre os clientes, pois eles dificultam a reciclagem ou compostagem de embalagens de fast food usadas. Entretanto, o uso de papelão reciclado para as embalagens de fast food é limitado, pois as substâncias podem migrar da embalagem para os alimentos.

Muitas tintas de impressão contêm óleos minerais, plastificantes ou mesmo resíduos de componentes de tinta de impressão UV. Os resíduos de tinta de impressão não são removidos completamente quando se recicla as fibras de papel. Q

Quando estes substratos são utilizados para embalagens de alimentos, os resíduos podem migrar do papelão para o alimento, especialmente quando os alimentos são embalados quentes, ou, se eles são gordurosos ou líquidos. É por isso que as embalagens de fast food têm sido produzidas até agora principalmente a partir de materiais de fibras novas.


Fonte: CeluloseOnline



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

19/10/2019 às 23:21

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para carvão?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1224 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey